Institucional



Missão

O Colégio São Luiz é mantido pela Associação Dehoniana Brasil Meridional, vinculado a Congregação dos Padres do sagrado Coração de Jesus, tendo São Luiz Gonzaga, o protetor da juventude, como seu patrono.

Somos uma escola tradicional, de confissão católica, observadora dos valores fundamentais à pessoa humana. Atentos aos alunos e alunas como sujeitos únicos, singulares, irrepetíveis, proporcionando neste sujeito/cidadão a capacidade de tomar decisões, utilizando-se do saber científico, tecnológico e filosófico embasado numa espiritualidade libertadora baseada em valores ético-morais em vista do ser humano integral.

Buscamos o estímulo à criatividade e a interação com a sociedade e a natureza, despertando nas crianças e jovens a percepção de que cada indivíduo é agente de transformação do mundo, ressaltando a importância do comprometimento com a justiça e a dignidade, bem como com a visão universal do homem, promovendo a formação do ser humano e a construção de sua cidadania de acordo com os princípios cristãos sob inspiração do Servo de Deus Padre Leão Dehon.

“O homem que quer mudar a sociedade não pode ter idéias tímidas” (Pe. Dehon)

Padre João Leão Dehon

Sociólogo, escritor, advogado e sacerdote. Foi ordenado em 19 de dezembro de 1868, na Basílica de São João de Latrão, e fundou a Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus em 28 de junho de 1878. Culto, santo e dinâmico foi muito conhecido na França porque soube ouvir os gritos dos excluídos e amar a Igreja. Fundou jornal e revista, publicou livros, escreveu artigos e cartas.

João Leão Dehon nasceu em 14 de março de 1843, em La Capelle, ao norte da França. Lutou contra o preconceito da família para se tornar religioso. Obediente, vai a Paris para estudar na célebre Escola Politécnica, mas simultaneamente matricula-se no curso de Direito. Durante uma viagem pela Terra Santa, sente a confirmação do chamado ao sacerdócio. Na volta, segue diretamente a Roma, onde se matricula no curso de Filosofia. Segue seu itinerário acadêmico conquistando o doutorado em Filosofia, Teologia e Direito Canônico.

Apesar de sua intensa vida acadêmica e pastoral, Padre Dehon sentia que faltava algo em seu coração. Fundou, então, a Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus e, com ela, dedicou-se ao debate da questão social. Quando faleceu, em 12 de agosto de 1925, estava com 82 anos. Seus restos mortais repousam na Igreja de São Martinho, em São Quintino, na França. Deixou diversas obras sociais publicadas. Suas últimas palavras foram: "Por Ele vivi, por Ele morro".

Contato

Endereço

Rua Padre Gattone, 112 - Centro

CEP 88350-350 - Brusque - SC

Telefone: (47) 3351.1200


Envie sua crítica, dúvida ou
sugestão, por meio de nosso
Formulário de contato.

Como chegar

Redes Sociais

Escola Associada

  • Logo Unesco - Parceiro